• seg. maio 27th, 2024

TEATRO BANGU “FORA DA CARIDADE NÃO HÁ SALVAÇÃO” 12 MAIO – ÚNICA APRESENTAÇÃO

ByJORNAL GÓIAS

abr 29, 2019

Fé, dor, renovação, esperança e amor são alguns dos elementos abordados no novo espetáculo, “Fora da caridade não há salvação”, de Cyrano Rosalém, que estará no Theatro Bangu Shopping, na próxima quarta-feira, dia 1º de maio às 19h00. No palco, Érica Collares e Rogério Fabiano dão conta do recado nessa emocionante história sobre renascimento. A direção também é assinada por Rosalém. Em tempo: os atores e a equipe já são referência pelo país em peças com tema espírita. Há sete anos, eles viajam em turnê pelo Brasil com quatros produções sobre o tema, entre elas “Allan Kardec – Um olhar para a eternidade”, sucesso de público e visto por mais de 500 mil pessoas em cem cidades no Brasil. A nova peça poderá ser vista apenas às quintas-feiras, às 18h, até o dia 27 de junho.

O espetáculo se passa num quarto de hospital, onde José está internado devido a um câncer. Ateu convicto, ele tem conversas diárias com a enfermeira espírita Maria. Os assuntos versam não somente sobre a doença dele, mas sobre a existência da espiritualidade. Nem ele nem ela têm pudores de falar sobre as suas vidas pessoais e suas trajetórias. Os embates sucedem-se o tempo todo, ora cômicos, ora trágicos. Mas, sem que percebesse, a índole materialista de José irá se transformando. Num trecho da peça, Maria diz: “Se as dores do seu irmão não lhe causam dor, então, quem precisa de ajuda é você”. A peça foca no pensamento positivo. “A mensagem é: acredite em você mesmo. Nunca desista”, enfatiza o autor Cyrano Rosalém, que teve num sonho a inspiração para criar o texto. “Os personagens são completamente fictícios. Foi um sonho que eu tive. Tanto que escrevi a peça em uma semana. Ela veio pronta na minha cabeça. “

Há sete anos atuando como Allan Kardec e, há dois, como Léon Dennis e Chico Xavier, nos teatros, dessa vez, Rogério Fabiano tem a missão de interpretar um personagem fictício. “Fazer o José será um desafio. É um personagem muito forte, doente e cheio de raivas do mundo. Eu fico muito emocionado quando leio a peça. É diferente de quando faço Kardec, Léon Dennis ou Chico Xavier, que são personagens históricos, reais. O meu José nascerá das minhas emoções, de dentro de mim”, diz Rogério, que complementa: “É um texto tradicional, um drama, no qual os conceitos espíritas entram através da generosidade da enfermeira em cima da amargura, do mau humor e da descrença do paciente”.

A atriz Érica Collares surge em cena como a enfermeira Maria, que, através do espiritismo, tenta transformar o descrente José em uma pessoa melhor. “Maria é uma enfermeira altamente espiritualizada e que vê em um paciente a possibilidade de resgatar um carma do passado. Com muito bom humor e sabedoria, ela consegue criar uma relação com José e tenta transformá-lo e ajudá-lo a entender melhor a sua doença e a tornar-se um ser humano melhor”, explica Érica, que está encantada com o novo desafio.

“Este espetáculo é um presente divino, no qual os fundamentos do espiritismo são colocados em prática. A peça mostra exatamente como é um processo de evolução espiritual da alma no plano terrestre. Eu estou muito feliz em mostrar, através da arte, algo tão essencial. É um espetáculo surpreendente, a cada cena uma novidade e com uma surpresa deliciosa no final”, conta ela.

A direção também coube a Rosalém e ele conta como é a jornada dupla de acumular as funções de autor e diretor: “Difícil. Ser o autor e dirigir o próprio texto é sempre difícil. Tem seus prós e contras. O pró é que a peça já veio inteira pronta na minha mente. O contra é ser – e tem que ser assim – magnânimo pra aceitar todas as sugestões que vierem, seja dos atores ou dos técnicos. Mas, no fim, o filtro sou eu. ”

  • FICHA TÉCNICA
  • Direção: Cyrano Rosalém
  • Direção Musical: Cyrano Rosalém
  • Texto: Cyrano Rosalém
  • Elenco:  Érica Collares e Rogério Fabiano.
  • Cenário: Guillermo Luis Dalchiele
  • Figurino e adereços: Erica Collares
  • Iluminação: Guillermo Luis Dalchiele
  • Produção e realização: Entre Entretenimento
  • SERVIÇO
  • Fora da Caridade Não Há Salvação
  • Temporada: Dia 01/05 às 19h00 (Única Apresentação)
  • Theatro Bangu Shopping: Rua Fonseca 24 Espaço 174, Bangu – Rio de Janeiro – RJ.
  • Telefone: (21) 3577-0076
  • Dia e horário: Quarta-feira às 19h00
  • Ingressos: R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia). LISTA AMIGA: R$ 20 (enviar mensagem para o WhatsApp 979272212)
  • Lotação: 516 pessoas
  • Duração: 60 minutos
  • Classificação: Livre
  • Funcionamento da Bilheteria: Todos os dias de 10h00 às 22h00. Débito e Crédito.
  • Possui estacionamento próximo ao Theatro.